quarta-feira, agosto 24, 2011

Perigo à espreita

No post anterior eu comentei sobre o problema do trânsito em São Paulo e sobre o problema com os motociclistas que passam de maneira perigosa no meio dos carros.
Neste post falo novamente dos motociclistas, mas dando ênfase à questão do uso indevido das motos para praticar roubo. A gente fica apreensiva quando um motociclista pára perto de nosso carro, são muitos os problemas, dificilmente eles conseguem ser pegos, pois tem a liberdade de passar zunindo entre os carros. Uma vez presenciei uma moto com dois caras que estavam espancando uma moça na rua para roubar a bolsa que por ser transversal era difícil de tirar do corpo, pois bem eles espancaram a menina até a bolsa sair do seu corpo. Além das bolsas, celulares são os alvos preferidos destes bandidos que fazem uso da moto como instrumento para roubo. Evite falar ao celular na rua, você pode se tornar alvo fácil destes bandidos, não use roupas que chamem a atenção, como tênis de marca, relógios caros, gargantilhas de ouro. Aliás evite sair de casa, se bem que em casa também pode haver assaltantes tentando entrar, é um absurdo, eu sei! 
Esses malditos geralmente roubam por que gostam, não é por necessidade! Necessidade não é desculpa para ladroagem. Não existe desculpa para isso. A justiça devia ser feita, mas infelizmente neste mundo a justiça é falha além de tarda.

Nenhum comentário: